intervalo

Porque antes de arrancarmos,  rumo a uma série de concretizações de ideias semeadas  apeteceu-me  parar para ouvir cantar este grande senhor.

Tenho saudades de ser puto e de ficar feliz ao ouvir a sua musica, afinal é tão simples ser feliz.

2 Responses to “intervalo”

  1. Fokas Greenwood Says:

    Pois..não tenho nada contra (o Carlos Paião nunca fez bem a minha onda…mas o fado tb não..e gostos não se discutem….adiante) muito menos contra a Dona Felicidade …mas não a quero impingir a ninguém… Quando a miséria é demasiado grande , a questão da felicidade pode parecer um luxo. O que não a torna ilegítima..antes pelo contrário, mas situa-a no seu veradeiro lugar: O de um privilégio ou de uma esperança!

    Continuo a acreditar na condição humana…mas não não acredito no homem bom (socialista e rousseauniano…acredito antes no Antero antes de dar o tiro nos cornos!).

    A moral da estória (que não se escreve)porque todos os contos de fadas acabam assim:
    Casavaram, tiveram muitos filhos e foram felizes para sempre.

  2. PedroFerreira Petrov Says:

    lembro bem desse Paião, dele e da familia que é daqui da minha zona, boa gente, e claro deixa saudades RIP.


Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: