Desesperamente à procura da Elora

Como a novela se vai desenvolver, nem vocês, nem eu, nem  o leitor sabe. Mas já vamos ver o que se passou a seguir.

Logo que entrou no quarto, o Fokas dirigiu-se ao “mini-bar”, abriu uma garrafa de Vidago e fechou-se rapidamente no quarto de banho. Depois de verificar que a Philbin tinha desaparecido no hall, retirou do bolso uma caixinha pratiada e ingeriu o comprimido vermelho…Amanhã iria viajar sem ressaca! Dirigiu-se depois à janela, abriu a porta da varanda para apanhar ar… Ligou o telemóvel em modo silêncioso e lá estava o SMS que esperava… Tudo pronto para as 7:00. Assinado Ramirez.

António Ramirez era bisneto do velho Ramirez do atum. Mas desde que o conheco sempre foi mais conhecido por “Peixe pró gato”, uma alcunha tipicamente raiana, que lhe vinha dos tempos da escola primária. Amigo da Revolução, tinha deixado crescer as barbas para se identificar com o ilustre antepassado, que venerava com orgulho. Parte da família, tinha fixado a sua actividade como “industriais de camionagem”, na zona entre Barrancos e Ensinasola, onde dominavam por completo o comércio inter-fronteiriço .

Os Ramirez de lá eram primos dos Ramirez de cá… e vice-versa. Família muito unida, que em tempos difíceis, ajudara os de lá, como agora os abastados proprietários e votantes socialistas de lá, ajudavam os parentes mais pobres deste lado. Mas era dos tempos do avô e de mais dois primos estremenhos do lado de lá,  que o “Peixe pró gato” reivindicava a fundação e a costela anarquista da Liga Anarquista Revolucionária Ibérica, cuja acção se fazia sentir em toda a zona do Baixo-Guadiana… E graças aos Ramirez, e aos plenários efectuados nas minas de Aparis, os anarquistas lideravam o movimento operário da região,  apelando para a  evacuação imediata das tropas soviéticas de todo o litoral alentejano. Não havia produtor de porco preto que não temesse as acções da L.A.R.I., preferindo pagar em enchidos a protecção dos Ramirez. Terminado o PREC, o António Ramirez tinha-se reconvertido à causa da Ecologia na defesa das tradições do seu povo, nomeadamente os “toirûs de morte” e a uma militancia por conta própria. 

Faltava pouco menos de uma hora para o encontro… Fugiu-me o sono e decidi ir tomar um banho frio para refrescar de tantas emoções. Sabia que me fazia bem, que limpava as impurezas não só do corpo mas também da alma. Os maus pensamentos levados na corrente, devolviam-me os espaços leves donde não me lembrava nunca de ter saído… Resolvi sentar-me na varanda e ver o dia nascer enquanto escrevia um bilhetinho para a Philbin. Aquela mulher estava-me a dar cabo da cabeça.  Tinha descoberto na Philbin, uma nova estética – a generosidade – que obviamente me destinava à desgraça… “Eu sei que tu sabes… Dançamos depois no Caneco ou no Laguna e ajustamos as contas! Deixo-te tabaco na varanda…Amo-te! ” Chamei-lhe Maggie pela primeira vez!

(Há de se continuar…)

Posted in SL. Tags: , , . 18 Comments »

18 Responses to “Desesperamente à procura da Elora”

  1. M2life Says:

    Ó Fokas!, tu é que és o grande agente de espionagem ao serviço não sei de quem🙂
    Então estás a antecipar a história do M2 através da história dos Ramirez? O Porco preto, mina de Aparis… Se bem que Ramirez me cheirem a atum🙂

    P.S. Mas então as histórias não são para publicar no ‘outro’ blogue? Já não percebo nada…
    LOL

  2. playingmargarita Says:

    Sâo sim, M2, mas o Fokas distraiu-se com as pernas da Philbin.

  3. Fokas Says:

    Opá…O facto de a familia do K. trabalhar a zona de Campo Maior, com o negócio virado para Badajoz, as espanholas e o café não impede que outra personagem raiana não possa ganhar honestamente a sua vida! Portugal é um país de “industriais de camionagem” pelo que é mais vulgar encontrar um verdadeiro bimbo a ser entrevistado para o telejornal do que um professor a escrever novelas. Aquele abraço!

    Ps: Sobre onde se escreve não te sei responder.. os debates foram tão intensos que eu desliguei o FM. A questão para mim deixou de ser ou não ser, mas antes como dizia o Kertész, sou ou não sou? Ainda por cima a malta aqui no blog vive da palavra, mal paga, para escrever por linha num ecran branco, romances de faca e alguidar e ainda nos querem impôr regras?
    Eu por princípio digo Não!Não!Não! Não há machado que corte a raiz ao pensamento! Se alinhares fazemos já dois sindicatos revolucionários e juntamo-nos ao Ibra e à June para começar a guerrilha no Caldeirão!

  4. m2life Says:

    Fokas a espantosa coincidência, não tem a ver com K. mas sim com a personagem M2 quando a fizer entrar na história. É que tinha pensado fazer nascer o M2 em Barrancos e a sua infância passada justamente na mina de Aparis!! :-))) Como raio te foste lembrar de um sitio que praticamente ninguem conhece? Espantoso! É que eu (euzinho mesmo na RL) conheço bem a mina de Aparis pois passei lá algumas férias na minha adolescência.

    Bom, agora lá terei de fazer uma ligação aos Ramirez, pois num meio tão pequeno o M2 e a família Ramirez têm obrigatoriamente de se conhecer🙂

  5. Fokas Says:

    Of course My dear!

  6. Blue(Angel) Says:

    Ainda agora recomeçaram e já querem ver a fúria desta editora? O M2 anda a dar-vos ideias é? Ai os meninos. Então sr Fokas, não é nas crónicas que se publicam estes textos? Ai… ai… toca a olhar menos para as pernas da Philbin nas reuniões de redacção ou teremos de fazer reuniões a dois e isso pode não acabar bem. Não me provoquem sim!!! Vamos lá a respeitar a ordem das coisas. Além disso, pensa apenas em encontra a Elora e deixa as pernas da Philbin para depois, ela é minha amiga e não quero que nada lhe aconteça.

  7. Fokas Says:

    Ó Senhora Doutora e Camarada Blue.. não entendo que se começe a escrever novas postas sem que as antigas estejam totalmente repostas num blog foleiro apelidado de: As nossas crónicas”! E que autores reconhecidos internacionalmente tenham que passar a anónimos! O Luis Pacheco morreu mas o Pacheco Pereira ainda está vivo! E contra a burocracia..marchar…marchar!
    Com todo o respeito pelo vosso trabalho há coisas que na minha modesta opinião se discutiram apenas em grupos de trabalho fechados( sim…porque nunca fui a nenhuma reunião da direcção como afirmaram! E mais grave ainda, desculpem lá… se e quando olho para a pernas da Magggie me distraio… são assuntos privados que só a mim me dizem respeito!). Com os meus protestos e os meus melhores cumprimentos…Todo o poder aos Sovietes! A Luta continua!

  8. m2life Says:

    Um big LOL

  9. Afro Says:

    Bem amigos, antes de mais, vou pedir desculpas.

    Assim se alguém ficar chateado com o que vou dizer, ao menos fica antes a saber que foi sem intenção. Pensem só que é o desabafo duma ventriloqua que cansada, esgotada, a precisar de ir ao médico, com poucas horas de sono, ressacada com falta de SL, que às 18.30 duma 6ª feira em que só queria chegar a casa depois de 2 dias de auditoria e com mais uma quanta carrada de stress+auditoria programada para a semana, ainda tem de fazer a m+rd+ dum report para uns ++++++ duns franceses, ingleses whatever (só espero que ninguém saiba onde trb) e tá a ver que cá vai ter de ficar mais umas horitas.

    1º A ideia das historietas terem um sitio proprio foi suscitado pelos próprios autores e leitores, devido à “dimensão do acontecimento” e à qualidade das histórias. Relembro:

    Ou seja:
    “ElectroescadaS Says:
    January 5, 2008 at 11:11 am e
    Não seria melhor pensarem num tópico só com os textos todos seguidinhos? É que tive o azar de não ler do inicio e já me sinto “lost” como aqueles daquela série esquisita… :S

    Elora Says:
    January 5, 2008 at 1:32 pm e
    Pois, deviamos se calhar repensar a estrutura deste blog, não, Deusa? Tá um espanto mas andamos a perder-nos um bocado.

    Afro Says:
    January 5, 2008 at 2:13 pm e
    Bem… com este blog na verdade pouco ou mais se pode fazer. O que eu sugeria seria a criação dum outro onde, à semelhança do das Crónicas do Othelo, fossem autores todos aqueles que quiserem construir a história paralela. Assim seria mais fácil para todos seguirem o encadeamento, porque na realidade com tantos bons autores por aí, o que não falta é imaginação e material de escrita. Convidava para autores todos aqueles que quisessem participar com posts, para editor alguém que eventualmente estivesse disposto a coordenar as hostilidades… Assim separavámos parte das águas… para tentar não confundir (mais) os leitores. Que dizem?”

    E todos pareceram concordar, e também com a “nomeação” dos respectivos editores. Que nem fui eu a propôr…pedi candidaturas e apenas 2 nomes surgiram. A Margarita também poderia, se quiser ser editora mas como se propòs para revisora, pois deixo à “restante equipa” e a ela combinarem isso.

    2º OK. Perdi mais um bocado de tempo que não tinha para criar esse blog. Dei-lhe o nome alterável (as nossas crónicas) e um formato jeitoso qq para não perder mto tempo. Andei a pesquisar os posts todos para poder pôr o primeiro post já com a história toda certinha e facilitar a tarefa à restante malta. E disse que já existia blog.

    Lá me chamaram a atenção para convidar os nomes propostos para editores e deixei a eles a tarefa de convidar o resto da malta.
    E lá consegui ficar quietinha enquanto os editores decidiam “regras” (nas quais não me meti, apenas fiz um ou outro pedido). Como eles o combinaram não sei. Já devem ter reparado que tenho tado offline, por isso não faço ideia do que se tem passado aí dentro.

    Quando se publicaram as regras, e já para não haver razões dos autores não poderem postar, lá fiz o invite aos autores definidos para evitar que tivesse de haver mais trocas de emails. E assim ficou. Parecia que ninguém tinha imaginação…até ao primeiro post do M2.

    3º Pois é verdade. Nesse maldito post não vinha expresso o autor (apesar de poder sempre ver no dashboard). Olhem, desculpem lá. Azar. Lá acabei de descobrir que era a +++++ do tema que não punha o autor. Só à conta disso mudei o tema (layout) para o mais “ranhoso” do wordpress mas já lá vem a respectiva autoria.

    4º Já perceberam que a Deusa não é de ferro. Só o facto de estar a responder a comentários sem sequer ter conseguido ler as últimas historietas (M2, Othelo e Fokas) não é bom sinal. Acabei de nomear a Blue (só mesmo à conta de ser gaija) administradora do blog das crónicas. Agora ela já pode fazer tudo aquilo que eu eventualmente teria de fazer (a começar por escolher outro tema que se visse os autores, sem ser aquele ranhoso).

    Por isso… deixem-me descansar e ler as vossas historietas devidamente.

    Senão um dia destes flipo e nem SL nem RL.

    Lá vou eu ter de fazer a +++++ dum report. Será que consigo passar pelo SL este fds? Ou além de ir ao hospital e trabalhar em casa, ir a uma pseudofesta de anos que nao me apetece nada ainda terei vontade para tal?

    Não sei. Jinho grande e desculpem qq coisinha.

    Afro

  10. Afro Says:

    Ps. Pk raio é k até este post me faz de lembrar de trb?????????

  11. ElectroescadaS Says:

    Minha Deusa por favor descansa porque não gosto de te ver assim, quero-te linda, bonita, fresca, sorridente e acima de tudo com aquela boa disposição a que já nos habituaste (falo por mim)…

    Um grande beijo do “gaijo electrificado”

    Qualquer coisa já sabes onde me encontrar…😉

  12. portugaldecosta Says:

    Cara Afro e restantes Tagofilos,
    eu pedi que dissesseis de vossa justica.

    Ora, perante as perfeitamente legitimas criticas, reservas, opinioes, e ulteriores accoes, a minha interpretacao e que o meu papel, de eventual editor ad-hoc, ficou vazio de sentido.

    Pior ainda, foi comecar a sentir desconforto, senao mesmo crispacao, entre os amigos aqui do blogue.

    Nao quero contribuir para qualquer mal-estar entre amigos.

    Pelo acima exposto, coloco o meu eventual lugar de editor a disposicao.

    Cumprimentos.

  13. Margarita Says:

    Ai Portugal, Portugal (isto é uma canção, não é?)

    Então vais deixar o teu lugar de editor sem aquecer o lugar? Eu que já estava a contar com o teu belíssimo humor para animar a nossa novela. Quanto a mim, não aceito a tua demissão. O resto é com a deusa e com os outros.

    Minha querida Afro,

    Nas crónicas, apenas perguntei quem escreveu porque adorei o texto e queria congratular o autor (se fosse mais tarde, poderia já reconhecer o estilo, mas não aconteceu). Não era qualquer crítica ao layout do blog, mas se assim o decidiste, está decidido. Deusa dixit e nós cumprimos. Até porque te adoramos.

  14. Fokas Says:

    Afro,
    Se alguém está livre desta confusão..que no fundo são apenas deabafos de amigos…és tu!

  15. ElectroescadaS Says:

    Vejam lá o que fazem à minha barmaid favorita…

  16. M2life Says:

    Não sei se ela estará bem ou mal, mas esquecida é que não está :-))

  17. M2life Says:

    Portugal e quanto ao pedido de demissão do mesmo: Nem pensar! Ai Portugal, Portugal (seguindo o guião da Margarita), é preciso que se compreenda que também há portugueses que entendem/fazem humor britânico🙂 (espero que não seja uma private joke) :-))))

  18. portugaldecosta Says:

    Caros M2 e Margarita,
    os editores submeteram uma proposta aos autores.
    Como sabeis, fostes vos os mais vocais nas criticas – tudo bem, nao tenho problemas com isso.
    Perante o que escrevestes, e a praxis subsequente, dos autores que colocaram textos no Tagus, fiquei com a ideia que o meu papel de editor estava esvaziado.
    Por isso, pus o lugar a disposicao.

    Tenho consciencia das minhas limitacoes.
    Eu sei trabalhar dentro do que foi proposto.
    Nao me ocorre outra forma, a nao ser copiar e colar – mas isto nao exige mais do que comandos do pc.
    E, se as pessoas querem os seus textos integros, entao sera mesmo so copiar e colar.
    E isto que quereis que eu e a Blue facamos?

    Se alguem tiver alguma ideia melhor do que as que expus, e gostasse que eu a executasse, pois que faca a proposta.
    Ca estarei para a considerar.

    Cumprimentos.


Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: