Edito de Convocatoria aos Autores

Depois de profunda meditacao e de umas quantas consultas a Deusa – sim porque para ser moderador eu ja era oraculo – e de intima e fecunda partilha de ideias com o nosso (deveria ser “meu” mas ainda estou com espirito nataleiro) Anjo Azul – como vedes eu e o Alem somos unha e carne – a deliberacao final provisoria – nunca digas nunca – d’aquem (moi meme) e d’alem vida (Anjo Azul) foi a seguinte, por ordem totalmente aleatoria, baseada na ordem das narrativas existentes:

Autores: ELORA, FOKAS, MARGARITA, IMSO, M2, BLUE (ela afirmava so querer fazer ajustes as narrativas relacionadas com a Elora, mas ha quem a conheca melhor que ela propria, e o bichinho de autora ja se comecou a agitar), e PORTUGAL (se existir espaco narrativo onde eu possa encaixar as minhas narrativas).

O Othelo sera sempre bem vindo se quiser juntar as narrativas dele as nossas.

REGRAS DAS NARRATIVAS:

1 – as caracteristicas das personagens terao de ser congruentes;

2 – as narrativas tem de ter em conta o que se passou antes;

3 – tudo tem de encaixar;

4 – os autores irao colocando as sucessivas narrativas no sitio: As Nossas Crónicas http://taguscronicas.wordpress.com/.

5 – os coordenadores, ao editarem as narrativas, poderao fazer pequenas alteracoes aos textos, apenas com o intuito da narrativa global ser congruente;

6 – aos Sabados, os coordenadores publicarao, aqui no Tagus Friends, a narrativa resultante dos trabalhos que foram postos no Cronicas, nos 6 dias anteriores – fiquei a pensar no assunto, parecendo-me logico os coordenadores terem um dia para ajustar e juntar as narrativas, logo se puserdes algum texto num Sabado este so sera publicado no Sabado seguinte, incluido nos textos dessa semana.

Pedidos do Portugal:

Eu pensei em iniciar uma linha narrativa e para facilitar as coisas iria comecar por usar personagens que foram deixadas penduradas: Portugal, Rui Tigerpaw, e o AnTonis Tereshchenko.

Tambem introduziria outras.

Se possivel agradeceria que deixasseis o microfilme por minha conta, por ser este a causa da entrada em cena daquelas personagens.

Margarita, importas-te que eu escreva sobre o teu passado e o da boquilha? Garanto-te que o que imaginei tem em conta os dados que ja escreveste, mas nao o farei se preferires faze-lo tu.

Atencao: se os meus pedidos interferirem com as vossas narrativas, por favor dizei-mo que eu nao avancarei, nao ha qualquer problema. Nao quero interferir no que ja podeis ter pensado ou, eventualmente, escrito.

Obviamente, que isto nao esta escrito na pedra – ja estou a ficar muito bife – e estamos prontos a receber sugestoes.

E, se mais alguem achar que quer ser autor avise!

Agora dizei de vossa justica!

24 Responses to “Edito de Convocatoria aos Autores”

  1. Afro Says:

    ois…nao chegaste a dizer cm vai ser a publicação (acho)… mas em qq dos casos qnd chegar a casa vou tentar fazer o invite aos restantes autores pr o outro blog😉

    E BOA SORTE!!!!!!!!!!1

  2. portugaldecosta Says:

    Obrigado Afro tinhas razao – es Deusa nao e?
    Mas, durante a minha escrita, tive de ir de urgencia ali a um sitio…😉

  3. Afro Says:

    Nem quero saber qual (poupa-me pls…)
    Done. Autores convidados. Podem recomeçar a escrever.
    Boas histórias…e sweet dreams. 😉

  4. Blue(Angel) Says:

    Amigas e amigos,

    agora é que vai começar. Tentem não baralhar os vossos editores sim?🙂 A malta agradece muito!!! Bom trabalho para todos!!!🙂

  5. Blue(Angel) Says:

    Carissmos autores,

    não há obrigatoriedade de publicação e nem periodicidade. Contudo, todas as semanas faremos um resumo dos textos publicados e se for só um (algo de que duvido) será esse mesmo que aparecerá aqui neste blog.🙂 Boas escritas!!!

  6. playingmargarita Says:

    Carissimo Portugal,

    O passado da Margarita e respectiva boquilha a ela pertencem, por isso, como o que pensei para ela já tem princípio, meio e fim, cabe-me a mim pô-lo no papel. Se, porventura, quiseres descrever um episódio em que te cruzes com a dita dama e sua boquilha, que possa eventualmente ser o mote para um volte-face na história, estou plenamente de acordo. Como com todo o resto, evidentemente.

    (Eu já tinha postado um comentário ontem à noite, mas não sei o que aconteceu. Espero ainda ir a tempo).

  7. ElectroescadaS Says:

    Grande Portugal escreves bem à brava… :O

  8. portugaldecosta Says:

    Esclarecimento:
    a Blue, talbez pelo adiantado da hora…😉
    Usou a palavra “resumo”…
    O que ela queria dizer era o seguinte:
    o texto resultante podera sofrer algumas alteracoes, ou cortes, se notarmos que ha incongruencias nas diversas narrativas.
    Se nao existirem, o texto resultante sera a soma dos parcelares na sua integra.

    Carissima Margarita,
    sera como pedes.

    Obrigado electro.
    Por acaso queres ser autor?

  9. ElectroescadaS Says:

    Achas Portugal??? Isso é bom para vocês que têm pachorra para escrita de algibeira🙂

    O meu projecto agora é “inventar” o blog que comecei no dia 1. Tem muito pouca coisa mas vai-se descobrindo umas cenas fixes para acrescentar, novos sites para incorporar imagens e acrescentar vídeos também…

    De qualquer forma obrigado pela lembrança Portugal😉

  10. M2life Paravane Says:

    Como disse o Electro “… escrita de algibeira”. Nenhum de nós é escritor e, quanto muito, poderemos ser escrevinhadores. Visto eu ter sido o último a entrar na ‘história’, deveria ser o último a tecer um comentário sobre o que está em causa, ou seja, as regras. Mas como elas não foram postas em causa por mais ninguém, incumbi-me do papel de ‘mau’.🙂

    Tudo isto é, na minha opinião, uma brincadeira que parecem querer levar demasiado a sério. Já se tornou óbvio que os participantes escrevinhadores para a ‘saga’ vão fazer corresponder as suas estorietas particulares, então o que é isso de “os coordenadores, ao editarem as narrativas, poderao fazer pequenas alteracoes aos textos, apenas com o intuito da narrativa global ser congruente”? Esse será um trabalho para quando se der por concluída a narrativa e nunca em cada texto (isso seria ‘uma espécie’ de censura).

    O ponto 2 das regras diz que “as narrativas tem de ter em conta o que se passou antes”. Espero que isto não obrigue a uma continuação: há flashbacks e histórias paralelas que só mais tarde se encontrarão e uma crónica, acho eu, não precisará de ser a continuação exacta da anterior.

    Enfim, lá vou eu, provavelmente, arranjar mais umas inimizades, mas tinha de dizer isto😉

  11. playingmargarita Says:

    Ora nem mais, M2. Conseguiste dizer o que eu, por cansaço, ainda não tinha conseguido. Obrigada. (assim junto-me aos maus)

  12. portugaldecosta Says:

    Caros amigos, M2 e Margarita,

    se as pessoas quiserem que isto seja apenas uma brincadeira, em que, de vez em quando, alguem se lembra duma historieta, que pode nem ter ligacao com as precedentes, por mim tudo bem!
    Por nos (eu a a Blue) alias!
    Era da maneira que nao tinhamos trabalho!
    E nao tiravamos tempo nosso para isso, como agora estamos a fazer.

    Mas, se as pessoas quiserem que as suas narrativas se fundam numa historia congruente, nos pensamos que nao poderao fazer coisas desgarradas.
    Dai as regras, que nos parecem bastante abertas a vossa criatividade.

    As verdadeiras limitacoes foram os meus pedidos.
    Mas estes nao sao regras, e nao tendes de atende-los.

    Em relacao ao 2 ponto do M2, de facto, nao e preciso que uma cronica seja, necessariamente, consequente da narrativa anterior.

    Mas “o ter em conta o que se escreveu antes” nao quer dizer isso.
    Apenas quer dizer que as caracteristicas de personagens, ou situacoes, que se deram numa dada altura, devem ser consideradas se alguem escrever um episodio que corresponda ao futuro daquelas.

    Vou ilustrar com um exemplo:
    no texto “Um segredo coloredo” o Fokas e Margarita chegaram a uma Pousada no Alentejo;
    se alguem continuar aquela narrativa, em particular, para a historia ser congruente, nao escreveria que, no momento a seguir, Margarita estaria num Hotel de 5 estrelas no Dubai e o Fokas estava a arrumar carros no Bairro Alto…

    O momento – falo momento em termos temporais – seguinte sera, obviamente, na Pousada.
    Mas o texto seguinte, dum outro autor ou do mesmo, nao tera de corresponder ao momento seguinte.

    M2, so foi neste sentido que a regra foi escrita.

    Quanto a “censura”.
    Se os textos encaixarem nao havera qualquer alteracao.
    Alias, nos queremos e nao ter de nos preocupar com isso!

    Nos nao queremos ter trabalho!

    Portanto M2,
    se todos fizerem textos que encaixem;
    ou quiserem seguir a tua via, nos ficaremos muito aliviados!

    M2, a tua sugestao de deixar as alteracoes para o fim, nao me parece que mude a questao.
    Alterar os textos, antes ou depois, sera, segundo a tua perspectiva, sempre censura.
    Ou nao?
    Mais, parece-me evidente que deixar para o fim a fusao dos textos, seria impraticavel.
    Quanto tempo seria preciso para trabalhar todos?
    Nao e preferivel distribuir o trabalho ao longo do tempo?

    Como escrevi antes, “dizei de vossa justica”.
    Nao queremos impor seja o que for ao grupo.

    As regras surgiram, julgo eu, porque:
    se por um lado, houve quem levantasse o problema da congruencia da historia – o 1o, que eu saiba, foi o Electro;
    por outro, a Deusa, ja tinha manifestado o desejo de fazer uma historia, ou recolher artigos do Tagus, para um eventual livro – acho que nao e segredo, se for perdoa-me Afro.

    Julgo que foi por aquelas razoes que a Afro sugeriu:
    quer a coordenacao dos textos;
    quer um novo sitio para os colocar.

    Alias, tu M2 tiveste a honra de ser o 1o a comentar nesse sitio, concordando com a ideia de os la colocar, referindo tambem o problema do leitor ficar perdido.

    E tu Margarita, senao estou enganado, tinhas manifestado concordancia com as regras, num comentario anterior.

    Eu e a Blue cremos que a melhor maneira de evitar que o leitor fique perdido, com as incongruencias da historia, foi estabelecer aquelas regras.

    Como escrevi acima, se os autores quiserem seguir outra via – como escrever o que lhes passar pela cabeca, sem ligar a quaisquer constrangimentos – nos nao teremos quaisquer problemas com isso.

    Mas isso ja acontece no Tagus.
    E so ver os textos da Elora, por exemplo.
    E claro que ela escreve quando lhe da vontade, sobre algo que lhe passou pela cabeca, sem se preocupar se ja falou nisso antes ou nao.

    Para terminar, se existirem pessoas interessadas em escrever uma historia em conjunto, quer o Cronicas quer as regras sao para isso, e nos, estaremos disponiveis para sermos os editores, se nos quiserem, claro.

    Eu e a Blue, que nao temos estado envolvidos na construcao da historia – a Blue so fez 1 texto; eu nenhum -, oferecemo-nos de bom grado para vos ajudar.
    Mas, se as pessoas nao concordarem connosco, ou nao quiserem a nossa intervencao, tudo bem.

    Beijos as meninas e abracos aos meninos.

  13. M2life Paravane Says:

    Ó Portugal🙂

    No meu comentário anterior apenas pretendi chamar a atenção para que não se devem levar as coisas demasiado a sério. ‘Estorietas’ e brincadeira não teve qualquer sentido depreciativo: então quando se está a fazer o que se gosta de fazer não é uma brincadeira? (há gozo implícito) [nem pretendi menosprezar o teu papel e o da Blue (olá linda!)]. E quando eu colocar a personagem M2 na narrativa (se alguém não colocar antes) vais ver o quanto eu vou gozar com ela🙂

  14. portugaldecosta Says:

    Caro M2,
    eu sei que nao era em tom depreciativo.
    Alias, eu mesmo usei essas palavras, sem qualquer ironia ou sarcasmo.

    Fazer historietas desgarradas na brincadeira e uma via perfeitamente possivel e legitima.
    Nao penses que nao achamos graca a elas!
    E claro que da gozo fazer o que se gosta.

    Como escrevi antes, por mim e pela Blue, nao ha problema se for isso que as pessoas quiserem.

    O que nos fizemos foi disponibilizar os nossos esforcos, para ajudar as pessoas, que queiram seguir a via duma historia unica e coerente.

    Agora, deixamos ao criterio dos autores se querem uma ou outra.

    Um abraco.

  15. Afro Says:

    se nao fosse 2.30, eu no work sem horas de chegar a casa e a ter que cá tar às 8 e tal da madrugada novamente, e dizia-lhes que estao a fazer um tempestade num copo de água.
    (re)começem mas é a postar as historietas que o ppl começa a ficar ressacado.
    A Deusa ausente mas presente.

  16. Blue(Angel) Says:

    Afro,

    tive de ler 14 comentários para chegar ao teu: o 15º. Concordo contigo, com menos conversa já nos tinham dado mais uns episódios e já estávamos a avançar na história. Eu vou tentar fazer aquilo que assumi, que sou pessoa de honrar os meus compromissos e isso, para a minha pessoa, serve para qualquer vida que viva (redundância propositada): primeira (importantérrima!!!) e/ou segunda (importante também, mas dependente da anterior). Meus amigos, não percam mais tempo! Ele urge, a minha Elora continua por aí, alguém se anda a fazer passar por ela e eu já estou farta de trabalhar no bar. Ainda por cima não sei fazer bebidas e a clientela já se começa a queixar de eu oferecer sempre a mesma bebida. Toca mas é a trabalhar e a escrever coisas bonitas. Fokas, acha-me a minha mana linda do coração que o meu desespero começa a transparecer demais. Já não há dança que me acalme. Toca a escrever sim??? Ai os meninos!!! querem ver que tenho de dar uma de editora de verdade??? Aahahahahahahahahahahhahahahahah, vocês não querem ver a Blue zangada, não querem não!!! :-)))))

  17. M2life Paravane Says:

    Bom… eu adorava ver-te zangada Blue, mas no blogue das crónicas já lá está o meu novo episódio. Zangas-te amanhã para mim sim? Prometes?🙂

  18. portugaldecosta Says:

    E da minha vista, ou o acesso ao cronicas despareceu das listas de acessos?!
    :-O

  19. Afro Says:

    (nunca as teve…pk ainda nao as pus no blogroll… dei o link directo, e kem é autor deve conseguir escolher entre os dois pelo dashboard…)

  20. portugaldecosta Says:

    Lamento contradizer-te mas, ate hoje, quase todas as vezes fui para la via o blogroll!
    :S
    Ja nao chegavam os comentarios desaparecidos…
    Estou a ver que a pagina esta alojada num servidor do Entroncamento…

    La esta ele!

    Blogroll
    A lareira da Winter
    A praia da Summer
    Alicia Stella Design
    Ana Lutetia
    As Nossas Crónicas
    Cleo Bekkers (Education in virtual/real worlds)
    Comunidade Portuguesa SL

  21. Othelo Ayres Says:

    Da parte que me toca, agradeço o convite e estejam certos que quando a oportunidade surgir meterei a minha colherada.

    Quanto ao “painel” de escritores, talento não falta,como se eu percebesse alguma coisa disso. Mas o que interessa é meia bola e força, bora lá com isso para a frente.

    Um abraço enorme, para os autores todos tinha de ser assim.

    Othelo

  22. Afro Says:

    olha…se o fiz tava convencida que não. se calhar dormir duas a três horas por noite começa a fazer efeito. vou para casa ver se durmo qq coisa. se tudo correr bem talvez amanha mate saudades do sl. 😉

    ah..é verdade.. tinha acabado de fazer “add to blogroll” na opção Blog Info (canto suip dto) do wordpress quando no tagus cronicas. tera sido disso? aconselho fazer o mesmo a quem tem blogs do wordpress.

  23. portugaldecosta Says:

    O Afro ve la se dormes!
    Queres dar cabo de ti?
    Se continuas assim nem SL nem RL!

  24. Fokas Says:

    Amigos,
    Já fiz o meu trabalhinho de casa que foi corrigir todos os tags das minhas escrevinhices, pelo que em “Baralhar”, estão todos identificados…os nicks das pessoas que existem verdadeiramente na SL também foram arrumados.
    Agora é convosco!Divirtam-se que eu tenho que voltar à RL!


Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: